Categorias: Ponta Pora | Historia

História de Ponta Pora


História e o restrospecto da Princesinha dos Ervais

PONTA PORÃ
Princesinha dos Ervais

História de Emancipação Política

O município de Ponta Porã, surgiu dentre os campos de Erva – Mate. A história nos conta que em 1.777 uma expedição militar (grupo de homens) chegou a esta região, tendo como objetivo, explorar o solo.

E, 1862, o tenente militar Antonio João Ribeiro chegou com seus homens e se fixaram na cabeceira do rio Dourados, onde hoje é o município de Antônio João e fundaram ali a COLÔNIA MILITAR DOS DOURADOS.

Em 1880 chega em Ponta Porã o senhor Nazareth, é um militar que vem com a missão de comandante e arma seu acampamento junto a lagoa do Paraguai, onde hoje é a cidade de Pedro Juan Caballero.

Em 1864 a Colônia Militar dos Dourados foi destruída pelos paraguaios (Guerra da Tríplice Aliança), onde veio a falecer o tenente Antônio João Ribeiro.

Em 1880 chega em Ponta Porã o senhor Nazareth, é um militar que vem com a missão de comandante e arma seu acampamento junto a Lagoa do Paraguai, onde hoje á a cidade de Pedro Juan Caballero.

1882 Tomás Laranjeras já explora e industrializa a erva-mate em ponta Porã e exporta para Argentina.

1892 Ponta Porã toma seus primeiros impulsos de progresso econômico, que chegam até Ponta Porã muitos migrantes gaúchos, que vieram com a finalidade de cultivar a terra e criar gado.

Em 1897 é criado o primeiro destacamento Policial em Ponta Porã e nomeado como Comandante o Senhor Nazareth.

Em 1900 o município de Ponta Porã torna-se Distrito de Bela Vista.

Em 1901 é fundada a primeira escola mista de Ponta Porã, tendo como professor o Senhor Júlio Alfredo Mangini.

Em 1912, no dia 18 de julho, foi criado o Município de Ponta Porá, isto quer dizer que Ponta Porá deixou de ser distrito de Bela Vista e passou a ser Município.

Em 19l3, foi instalado o Município de Ponta Porã e toma posse seu primeiro Prefeito, o senhor Ponciano de Matos Pereira.

Em 1915 o Governador do Estado de Mato Grosso, senhor Caetano de Albuquerque eleva o município de Ponta Porá para a categoria de comarca de Ponta Porá e no ano seguinte, 1916 toma posse o primeiro Juiz de Direito da Comarca de Ponta Porá o senhor Possidônio de Souza Guimarães e o Primeiro Promotor é o dr. Henrique Carlos Guatemozim.

Em 1919 é criado em Ponta Porá o 11º RC (Regimento de Cavalaria) e instalado no ano seguinte, sendo seu primeiro Comandante o Capitão Hipólito Paes Campos.

Em 1943, o Presidente Getúlio Vargas cria o território Federal de Ponta Porá, tendo como capital a cidade de Ponta Porá.

Em 1946 é extinto o Território Federal de Ponta Porá.Isto quer dizer que Ponta Porá deixa de ser capital do Território e volta a ser apenas o Município de Ponta Porá..

O Trabalho na Cidade (Zona Urbana)

Na cidade o trabalho é sempre relacionado com o comércio, a indústria, a prestação de serviços e os serviços públicos.

O Comércio de Ponta Porá é dos mais variados: Temos supermercados, lojasde tecidos, de móveis de eletrodomésticos, carros, de calçados, de artigos para a pesca, de produtos veterinários, de máquinas e ferramentas agrícolas, etc. Temos ainda: farmácias, padarias, sorveterias, livrarias, discotecas, etc.

Quanto wa indústrias, podemos citar: ind
Outros Destaques
Página 1 de 1
Melhor Visualizado 1024 x 780 © Copyright 2007 - 2010, Portal MS - O Guia Online de Campo Grande e MS
Notícias | Empresas | Classificados | Empregos | Contato